segunda-feira, 7 de março de 2011

Os ensinamentos de Jesus Cristo são eternos

"O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não passarão". (Mt 24,35)

Jesus Cristo existe desde o princípio, ao lado de Deus Pai (Jo 1,1), e desde que se encarnou neste mundo no ventre da Virgem Maria, até o momento de sua morte de cruz e sua ressurreição, nunca caiu em contradição ou quis adaptar seus ensinamentos ou suas leis, só porque assim a sociedade queria, ou para “atrair mais fiéis”; aliás, um dos seus maiores ensinamentos era “Pega tua cruz e segue-me”.Quem quer ser salvo, tem que ser fiel até a morte, e se necessário, uma morte de cruz.

Jesus é o início e o fim (Ap 1,8).Se achamos algo de difícil ou que não conseguimos entender ou praticar em seus ensinamentos, somos nós que devemos mudar, a sociedade que deve mudar, nossos pensamentos que devem mudar.Mas jamais devemos ousar pensar em mudar uma vírgula do que nos ensinou nosso Mestre Galileu, e que vem nos ensinando através da sua Santa Igreja fundada por ele próprio.

“A igreja está definitivamente na moda", diz Adriano Schwartz, doutor em teoria literária pela Universidade de São Paulo se referindo a muitas seitas que surgem em qualquer quintal abandonado ou em qualquer ex-buteco falido. Fundar uma nova igreja no Brasil é simples demais,bastam algumas pessoas, um estatuto, uma assembléia, registro em cartório e um nome; aliás, andam surgindo cada nome por aí ultimamente.

A cada dia, surgem mais e mais, e a cada nova seita que surge, maior o distanciamento dos ensinamentos de Jesus Cristo, chegam a surgir doutrinas absurdas (poligamia, apoio ao aborto, exorcismos em praça pública) com o intuito de atrair mais fiéis.Não consigo imaginar como deve ficar Jesus Cristo, ao observar o modo como algumas pessoas distorcem seus ensinamentos aqui na Terra.

Muitas pessoas, inclusive “católicas”, dizem que a nossa Igreja precisa evoluir, mas fica aí a reflexão sobre o versículo que usei ao iniciar este pequeno texto: será que as palavras e ensinamentos de Jesus Cristo precisam evoluir, ou somos nós, na nossa insignificância humana, que devemos nos abrir totalmente e acolher Deus e à Santa Igreja com todo o nosso coração?

A Única Igreja que não se atreve a mudar nada dos ensinamentos de Jesus Cristo com o intuito de atrair fiéis permanece intacta mesmo depois de tantas lutas, e assim permanecerá até o fim dos tempos.

Autor: Everton do N. Siqueira
Comentários

Compartilhe na Rede

Twitter Delicious Facebook Digg Favorites Stumbleupon More