terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Deus está punindo os homossexuais?

Recentemente surgiu uma nova corrente nas redes sociais, associando um movimento gay de afronta ao cristianismo a uma epidemia, alegando que teria sido um "castigo divino". Como percebi alguns católicos divulgando a notícia, achei por bem escrever este artigo para esclarecer.

Não vou postar as fotos da epidemia pois contradizem o objetivo deste site. Caso alguém tenha estômago para ver "fotos fortes" e queira ver, basta acessar os links das fontes no final do texto. Aos que "não gostam de cenas fortes", fica o aviso: não clique nos links.

Vamos aos fatos:

Há algum tempo foi feito um Concurso nos Estados Unidos para eleger o "Cristo Gay mais sexy"(1). Claramente se trata de uma afronta grave, ao qual todo cristão tem o dever de se manifestar contrário e de repudiar, mas o assunto desta postagem é outro.

Em um site (protestante-apocalíptico) colocaram uma notícia cujo título é: "Bactéria homofóbica mortal, pior que a AIDS, está se espalhando entre Gays nos EUA, em regiões que perseguem os cristãos e já está no Brasil (2).

Analisemos a questão:


1º - Não há NENHUMA PROVA TEOLÓGICA, nem parecer de NENHUMA AUTORIDADE ECLESIÁSTICA sobre um "possível castigo divino" ser o motivo para o surgimento da epidemia. Vale lembrar que o tom sensacionalista da notícia é apenas fruto da mentalidade apocalíptica de alguns setores do protestantismo. Quanto a católicos, só devemos nos pronunciar sobre profecias, sinais, previsões, curas,milagres, etc, quando houver aprovação eclesiástica sobre o assunto, do contrário, calemo-nos.

2º - A notícia diz que a doença é causada principalmente pela prática do sexo anal. Aí associou-se à prática do homossexualismo, com certa razão mas, daí a dizer que ISSO É CASTIGO DIVINO por causa da manifestação ocorrida, é outra história.

Para encerrar, repito o que disse num outro artigo semelhante a esse, sobre os Terremotos no Japão e suas supostas ligações com as Aparições de Maria em Akita (3):

"Mensagens "apocalípticas", cuja única finalidade é gerar medo ou colocar o ser humano em pânico não são a melhor forma de evangelizar. Se todos tivessem conhecimento da verdadeira doutrina, quem sabe essas notícias tendenciosas fossem ignoradas e deixassem de ser alvo de tantas preocupações como atualmente são."

Ao invés de querer fazer falsas ligações proféticas e miraculosas associando um evento à epidemia, o mais prudente é rezar pelos que foram vítimas da doença, ainda que por conseqüência de seus próprios atos e, se possível, ajudar de alguma outra forma.

Lembrando: 

A Igreja não condena e NEM DESEJA O MAL para o homossexual, é contrária à PRÁTICA HOMOSSEXUAL, mas ama, acolhe e não deseja que eles (os homossexuais) sejam atingidos por enfermidades ou sofram de maneira injusta.

"A Igreja acolhe sem reservas as pessoas que se sentem homossexuais e rejeita qualquer forma de discriminação". Simultaneamente, afirma que as formas de encontro sexual entre pessoas do mesmo sexo não corresponde à ordem da Criação." (Youcat nº 415)


"Devem ser acolhidos com respeito, compaixão e delicadeza. Evitar-se-á para com eles todo sinal de discriminação injusta." (Catecismo da Igreja Católica nº 2358)


Autor: Everton do N. Siqueira

(1) http://reporterdecristo.com/hunky-jesus-evento-homossexual-zomba-cristianismo-elegendo-melhor-mais-atraente-jesus-cristo-gay

(2) http://adcjgospel.blogspot.com/2012/02/bacteria-homofobica-mortal-pior-que.html

(3) http://www.iesusdominus.com.br/2011/03/nossa-senhora-previu-as-catastrofes-no.html
Comentários

Compartilhe na Rede

Twitter Delicious Facebook Digg Favorites Stumbleupon More